24/07/2007

Música Clássica

24/07/2007
Tradicionalmente o Centro Cultural SP apresenta aos domingos de manhã concertos que valorizam os jovens talentos da música erudita brasileira, tanto intérpretes quanto compositores, além de artistas já consagrados.
Domingos, às 11h30 - Sala Jardel Filho - entrada franca

Confira a programação do próximo domingo, dia 29/07

Quarteto de cordas Stanislas (França) com:
Bertrand Menut (violino),Laurent Causse (violino), Jean de Spengler (violoncelo) e Paul Fenton (viola)Obras de Joseph-Guy Ropartz, Beethoven e Ravel.

O Quarteto Stanislas se formou em 1984 e, desde então, realizou mais de 500 concertos como quarteto ou como quadro expandido do Grupo Stanislas. Apresentou centenas de obras, entre as quais diversas estréias mundiais. Realizou turnês em países da Europa, Ásia, África, Oriente Médio e América do Sul. Gravou dez discos, entre eles, um consagrado aos quartetos de George Crumb, Dutilleux e Raymond Depraz. O CD foi tido como versão de referência pela revista Diapason. Nos Estados Unidos, sua estréia rendeu elogios particularmente entusiasmados do crítico do jornal Washington Post. O grupo mantém uma política de difusão cultural na região de Lorraine (França), com enfoque às populações distanciadas dos circuitos culturais.

Programa:
Joseph-Guy Ropartz
Quarteto n.º 5

Ludwig Van Beethoven
Quarteto n.º 16

Maurice Ravel
Quarteto em Fa Maior

Sobre os músicos:
Laurent Causse (violino)

Contemplado pelo primeiro prêmio de violino e música de câmara do Conservatório Nacional Superior de Música de Paris. Aperfeiçoou suas técnicas com Régis Pasquier, J.J. Kantorow e S. Accardo. Foi o primeiro violino do Quarteto Viotti, de 1986 a 1989. Atualmente, é super-solista na Orquestra Sinfônica e Lírica de Nancy e professor de violino no Conservatório Nacional da Região de Nancy.

Bertrand Menut (violino)
Iniciou seus estudos musicais em Brest (França), sua cidade natal, e depois se aperfeiçoou em Paris com Pierre Doukan e Gérard Poulet. Titular de três medalhas de ouro, foi solista da Orquestra de Pasdeloup, entre de 1991 a 1998. Em 1999, passou a ser membro da Orquestra Sinfônica e Lírica de Nancy.

Paul Fenton (viola)
Iniciou seus estudos musicais na Austrália e aperfeiçoou-se como violista do Quarteto Amadeus Peter Schidlof. Foi solista da Orquestra do La Fenice de Veneza. Atualmente, é primeira viola da Orquestra Sinfônica e Lírica de Nancy.

Jean de Spengler (violoncello)
Formado pela Escola Normal de Música de Paris, estudou na Escola Superior de Música de Viena, com André Navarra (violoncelo) e com os membros do Quarteto Alban Berg para música de câmara. Atualmente, é primeiro violoncelo na Orquestra Sinfônica e Lírica de Nancy.

0 comentários:

Twitter


Ocorreu um erro neste gadget
 
Cultura Grátis em São Paulo ◄Design by Pocket, BlogBulk Blogger Templates